Tagged: Igreja

A orla do manto: tocar Jesus no ambiente digital

blog-church 

Publicado no Suplemento Igreja Viva (23/06/2016) do Diário do Minho

O cardeal Carlo Maria Martini (f. 31-08-2012), reconhecido biblista e pastor da Igreja ambrosiana durante quase um quarto de século (1979-2002), deverá ter sido um dos poucos bispos, senão mesmo o único, a dedicar uma carta pastoral aos meios de comunicação social (1991-1992). Em A orla do Manto[1]assim se intitula a cartaMaria Martini estabelece uma relação de todo insuspeita entre os meios de comunicação e a cena evangélica da mulher que tocando a orla do manto de Jesus fica curada[2]. Neste milagre emblemático de Jesus, ele identifica três realidades que caracterizam uma sociedade condicionada pelos média: a massa, a pessoa e a comunicação. Continue reading

Uma questão de vida ou de morte

atrio_gentios_abertura_nuncio_ravasi_ortiga_RPerna
©Ricardo Perna 2012/Familia Cristã / Abertura do Átrio dos Gentios em Guimarães.

Neste momento, o polémico cartaz do Bloco de Esquerda com a imagem de Jesus Cristo e a frase “Jesus também tinha 2 pais”, com o intuito de celebrar aprovação da lei de adopção por casais homossexuais, é tão-somente espuma dos dias. A ordem do dia, no debate público, mais uma vez protagonizado pelo Bloco, é a legalização da morte assistida, a eutanásia. Matéria que consta da agenda bloquista desde 2011. Continue reading

Um novo Papa, uma nova Igreja? Pe. Alberto Brito, sj

A 26 de Março de 2013, treze dias após a eleição do Papa Francisco, três jornalistas que cobriram o conclave — António Marujo, Joaquim Franco e Manuel Vilas Boas — promoveram o  Encontro “Um novo Papa, uma nova Igreja?”, que teve lugar no Centro de Estudos Sociais-Lisboa.

Entre os oradores encontrava-se o P.e Alberto Brito, na altura provincial da Companhia de Jesus em Portugal. Dois anos após, a reflexão do Pe. Alberto apresenta as chaves fundamentais para interpretar o pontificado do Papa Francisco e de como se processam as reformas na Igreja e em Igreja. Vale a pena ouvir. Deixo algumas frase para aguçar o apetite:

“Há uma triangulação que transversalmente percorre toda a história da Igreja que é o carisma, a autoridade e a missão”.

“As mudanças superficiais são rápidas, as mudanças profundas são lentas e quanto mais profundas mais lentas”.

“Não acredito numa renovação da Igreja feita a partir de um decreto de um senhor papa seja Francisco seja quem for. Não é possível, nem é desejável”.

“A mim parece-me que o maior problema do cristianismo é a separação entre a oração e a acção, a vida e a fé”.